Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Só que não

Estamos começados mas não acabados. No fim, no regresso a nós, que consigamos, serenamente, dizer: «Ousei viver!». Sou feita de sentir e o que não me cabe no peito, transpiro-o nas palavras. Sou mulher e sou feliz.

07
Mai17

...

By, JUX

Mulher, Nos teus braços descansei a dor, Fiquei no teu sorriso feito de amor, Nas tuas forças encontrei a valentia Quantas vezes choraste por dentro, enquanto me sorrias? Nunca desististe de mim mesmo, tantas vezes, de ti desistindo, Continuaste; sobreviveste. E, por incrível que pareça, fizeste-o sorrindo. Os meus braços nunca terão a dimensão dos teus. Pois teus braços são feitos de amor. De amor aos meus. Nunca o meu sorriso brilhará assim, O teu brilho é feito de amor maior De garra, de valentia De vida, de sabedoria! Nunca serei suficiente grata Pela imensidão do teu ser, Mas seremos sempre completas Mãe. Viver do meu viver!

mulher07.05.2017.jpg

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D